domingo, 4 de dezembro de 2016

Uma arvore que nunca fica sem frutos, mesmo que não seja visto.



Nasceu em 2006,formou em todo este tempo até 2016 ,de todos os ramos,Jardim Olinda,Vila Missionária,Diadema,Jardim São Carlos,Itaquera,valo Velho,Mauá,Jardim dos Álamos, Mogi das Cruzes...
Formando a primeira turma do curso básico em teologia no ano de 2007 no total de 62 alunos, totalizando hoje em 2016. 234 formandos do curso básico em teologia espalhados na Seara do Mestre.
No ano de 2008,deu-se inicio ao curso superior em teologia ,formando 2011 a primeira turma do Curso superior em teologia,totalizando hoje em 2016,em Todos os Seminários58 bacharelandos espalhados pelo mundo.
Em 2015,surge o curso de pós.graduação,com 7 graduados em teologia e um atendimento via internet para quem se interessar.

Matriculas abertas para 2017.
Inicio das aulas.
Bacharel Sábado.Dia 21 /01/2017
Das 9.h00 as 12h00
Bacharel Noturno.Dia 23 /01/2017]das 19h30m as 21h30m
Basico Noturno.Dia 23/01/2017 . das 19h30 as 21h30m.
Pela internet qualquer época.

 SEMINÁRIO TEOLÓGICO DE ENSINO  
    SUPERIOR DAS ADJBAQUARA
Endereço: Av. Diederichsen -1042.
   Vila Guarani - Jabaquara 
         São Paulo – SP  

      Inicio das aulas:
·         Básico em Teologia.Dia 23/01/2017
·         Superior em Teologia. Dia 23/01/2017
·         Superior aos sábados.Dia 21/01/2017
·         Pós-graduação Lato Sensu (on Line)


Endereço: Av. Diederichsen -1042.
   Vila Guarani - Jabaquara 
         São Paulo - SP 

Fones :   (11) 50172460 /  56229897 
Email. 
setesjabaquara@yahoo.com.br



SEMINÁRIO TEOLÓGICO DE ENSINO  
    SUPERIOR DAS ADJBAQUARA

Igreja Evangélica Assembleia  
    de  Deus no Jabaquara.

Cultos: Terça, Quinta e Domingo.
  Seminários: Segunda e Sábado
         Escola Dominical: 9:00h
          Ministério Madureira


Tudo em Teologia, inteiramente a sua disposição.
Cursos: Básico, Superior, e Pós- Graduação, Presencial e a Distancia.

        Diretor Executivo:
Pr. Presidente. Silvano Doblinski

       Diretor Administrativo:
      Pr .  Júlio M. de Sena


Informações :
 Fones : (11)56229897 / 50172460
         

Email. 
julsena@terra.com.br
setesjabaquara@yahoo.com.br

    Avenida Diederichsen, 1042.    
     Vila Guarani – Jabaquara - SP


Texto Extraído Manual da Harpa Cristã, edições CPAD, 1ª edição, 1999, pgs. 11/16.




Conheça a história da Harpa Cristã - O hinário oficial das Assembleias de Deus
A primeira edição foi lançada na cidade de Recife, em 1922
Eusébio de Cesaréia (260-340) é considerado, com justa razão, o pai da História da Igreja Cristã. O que poucos estudiosos sabem é que ele foi também um grande apreciador da verdadeira música sacra. Embora vivesse num período em que esta apenas ensaiava seus primeiros passos, pôde Eusébio externar-se muito emocionado:
"Nós cantamos o louvor de Deus com saltério vivo. Porque mais agradável e caro a Deus do que qualquer instrumento é a harmonia da totalidade do povo cristão. Nessa cítara é a totalidade do corpo, por cujo movimento e ação a alma canta hinos adequados a Deus, e nosso salteio de dez cordas é a veneração do Espírito Santo pelos cinco sentidos do corpo e as cinco virtudes do espírito".
Nós, pentecostais, também temos o nosso saltério; a Harpa Cristã. Ao longo dessas décadas de avivamento e visitações contínuas ao cenáculo, vimos caracterizando-nos como uma fervorosa comunidade de adoração. E não foi sem motivo que os pioneiros oficiais houveram por bem denominar nosso hinário oficial de Harpa Cristã. Vejamos, pois, a natureza e a formação de nosso hinário.
I. O que é a Harpa Cristã

A Harpa Cristã é o hinário oficial das Assembleias de Deus no Brasil. Ela foi especialmente organizada com o objetivo de enlevar o cântico congregacional e proporcionar o louvor a Deus nas diversas liturgias da igreja: culto público, santa ceia, batismo, casamento, apresentação de crianças, funeral, etc.

A sua primeira finalidade é transformar nossas igrejas e congregações em comunidades de perfeita adoração ao Único e Verdadeiro Deus. Não pode haver igreja sem louvor.


II. O início do cântico congregacional da Assembleia de Deus no Brasil


Em seus primórdios, a Assembleia de Deus usava os Salmos e Hinos , que também era utilizado por diversas igrejas evangélicas históricas. Mas em virtude de nossas peculiaridades doutrinárias, os pioneiros sentiram a necessidade de um hinário que também enfocasse as doutrinas pentecostais.

III. O cantor pentecostal
Em virtude dessa premência, foi lançado em 1921, o Cantor Pentecostal. Impresso pela tipografia Guajarina, sob a orientação editorial de Almeida Sobrinho, tinha o pequeno hinário 44 hinos e 10 corinhos.

O Cantor Pentecostal foi distribuído pela Assembleia de Deus de Belém do Pará que, naquela época, achava-se localizada na Travessa 9 de janeiro, nº 75.

IV. O surgimento da Harpa Cristã

Em 1922, foi lançada em Recife (PE) a primeira edição da Harpa Cristã, que viria a se tornar no hinário oficial das Assembleias de Deus. Sob a orientação editorial do Pastor Adriano Nobre, teve uma tiragem inicial de mil exemplares e foi distribuída para todo o Brasil pelo missionário Samuel Nyström.

A segunda edição da Harpa Cristã, já com 300 hinos, foi impressa nas Oficinas Irmãos Pangeti, no Rio de Janeiro, em 1923. Já em 1932, tinha a Harpa Cristã 400 hinos.

V. A elaboração dos hinos

Na elaboração de nossos hinos, muito contribuiu o missionário Samuel Nyström. Apesar de não ter perfeito conhecimento da língua portuguesa, ele traduziu, literalmente, diversas letras da riquíssima hinódia escandinava. Para que os poemas fossem adaptados às suas respectivas músicas, foi necessário que o Pastor Paulo Leivas Macalão empreendesse semelhante tarefa. Por isso, o Pastor Macalão tornou-se o principal elaborador e adaptador de nosso hinário oficial.

VI. A Harpa Cristã com letra e música

Em 1937, a Convenção Geral das Assembleias de Deus, reunida em São Paulo, nomeou uma comissão para editar e imprimir a primeira Harpa Cristã com música. Desta comissão faziam parte: Emílio Conde, Samuel Nyström, Paulo Leivas Macalão, João Sorhein e Nils Kastiberg. Neste empreendimento também tomou parte ativa o Dr. Carlos Brito.

VII. A Harpa Cristã com 524 hinos
Com o passar dos tempos, outros hinos foram sendo acrescentados até que o nosso hinário oficial atingisse 524 hinos. Número esse que, durante várias décadas, caracterizou a Harpa Cristã.
Até 1981, quase todos os hinos da Harpa Cristã já haviam sido revisados. Os mais altos foram transpostos para tons mais acessíveis ao cântico congregacional.

VIII. A Harpa Cristã atualizada

Em 1979, mediante proposta apresentada pelo Pastor Adilson Soares da Fonseca, o Conselho Administrativo da CPAD, cumprindo resolução da Assembleia Geral da CGADB reunida em Porto Alegre, naquele ano, nomeou uma comissão para proceder a uma revisão geral da música e da letra da Harpa Cristã.

A comissão era formada pelos seguintes Pastores: Paulo Leivas Macalão, Túlio Barros Ferreira, Nicodemos José Loureiro, Antonio Gilberto e João Pereira. Nesta empreitada, também tomou parte ativa o Pastor e consagrado poeta Joanyr de Oliveira. Em termos técnicos, os trabalhos contaram com dois obreiros especializados: João Pereira, na correção e adaptação da música; e Gustavo Kessler, na revisão das letras.

Lançada em 1992, a Harpa Cristã Atualizada foi aceita em muitas igrejas, mas a maioria optou por ficar com a Harpa Tradicional. De qualquer forma, a experiência serviu para rever a hinódia pentecostal, tornando-a mais viva e participativa em nossas reuniões.

IX. A Harpa Cristã ampliada

Tendo em vista as necessidades de nossa igreja, a CPAD, sob a direção executiva de Ronaldo Rodrigues de Souza, compreendeu ser urgente a ampliação da Harpa Cristã tradicional. Foram acrescentados mais 116 hinos a fim de atender a todas as exigências cerimoniais e litúrgicas da igreja.

A Harpa Cristã Ampliada , lançada em 1999, com 640 hinos, representa mais um avanço da já riquíssima hinódia pentecostal.

Conclusão


A Harpa Cristã é o hinário oficial das Assembleias de Deus com 640 hinos que são entoados nos cultos congregacionais. A primeira versão conhecida com letra e música data de 1929 com originais manuscritos e copiada em processo mimeográfico.
Em 1941, teve sua primeira edição impressa, tendo participado deste trabalho os irmãos Samuel Nyström, Paulo Macalão, Jahn Sorheim e Nils Katsberg.
Em Janeiro de 1999, a CPAD - Casa Publicadora das Assembleias de Deus - publicou a Harpa Cristã Revisada e Ampliada com 640 hinos.

Rogamos a Deus, pois, para que a Harpa Cristã continue a levar o Evangelho de Cristo e o avivamento a todos os cantos de nosso país. Cantando também se evangeliza. Cantando também se promove o avivamento. Não foi o que fizeram nossos pioneiros?

PS : Existem hoje, no Brasil, diversas denominações evangélicas, de cunho pentecostal, que utilizam o nosso hinário. Essas igrejas, muitas delas neo-pentecostais, tem encontrado em nosso cancioneiro não somente a melodia, mas também a mensagem que faz a diferença no mundo espiritual.

Abaixo, os diversos modelos de Harpa Cristã, editadas pela Casa Publicadora das Assembleias de Deus no Brasil - CPAD. Organizada com objetivo de elevar o cântico congregacional e proporcionar um melhor louvor a Deus, a Harpa Cristã, com um total de 640 hinos, representa mais um avanço que auxiliará na divulgação do evangelho através do louvor a Deus. Além das Harpa Cristã , edições variadas, há também as publicadas junto com as diversas Bíblias, de cores e tamanho variados, agradando a todas as faixas etárias de nossas igrejas.


Harpa Cristã com Música Mi Bemol

Esta Harpa é para instrumentos de sopro que são do tom de Mi bemol: Requinta, Sax Alto, Tuba, Clarone Alto, Sax Horn, Genis, Sax Barítono. Da mesma forma que a Harpa em Si Bemol, esta Harpa só tem a clave de Sol, com duas notas somente, a primeira nota é a melodia do hino, a segunda seria a segunda voz do hino, no caso, a voz do contralto. Nesta Harpa, não possui a letra dos hinos e nem Cifras.


Harpa Cristã com Música Si Bemol (Bb)


Esta harpa é para instrumentos de sopro que são do tom de Si Bemol: Trompete, Clarinete, Sax Tenor, Sax Soprano, Barítono, Tuba. Nesta harpa só tem a clave de Sol, com duas notas somente, a primeira nota é a melodia do hino, a segunda seria a segunda voz do hino, no caso, a voz do contralto. Nesta Harpa, não possui a letra dos hinos e nem Cifras.

Texto extraído do Manual da Harpa Cristã, edições CPAD, 1ª edição, 1999, pgs. 11/16.

segunda-feira, 28 de novembro de 2016

Adiquire a Verdade - Pastor Silvano Doblinski


Esboço da Pregação Ministrada pelo Pr. Presidente Silvano Doblinski no Culto de Santa Ceia da ADJabaquara de Agosto (11/08/2012)

Introdução.- O livro de Provérbios começa assim: “Provérbios de Salomão”. Ele foi um grande rei, famoso por seu saber e sua riqueza. Compôs 3.000 provérbios e 1.005 cânticos. Salomão estava qualificado de modo especial para escrever este livro. Deus lhe havia dado Sabedoria, grandíssimo entendimento e larga inteligência como a areia que está na praia do mar.
- Salomão foi o homem mais sábio da terra.
I Rs. 3.12: Eis que fiz segundo as tuas palavras, eis que te dei um coração tão sábio e entendido, que antes de ti teu igual não houve, e depois de ti teu igual se não levantará.
- Não teve antes e nem depois um homem tão sábio como Salomão.
- Neste capítulo Salomão está discursando sobre vários assuntos morais.
- Numa outra versão este versículo está assim: “Adquire a verdade e não a vendas: A sabedoria, a correção e o saber”.
- A palavra comprar aqui não está no sentido de pagar um valor monetário pela verdade.
- Mas no sentido de adquirir, de se obter a verdade com um esforço pessoal e dedicação.
- Aqui diz: “E não a vendas”.
- Não desfaça dessa verdade; não negocie essa verdade; não troque essa verdade por nada.
Pv. 2.7,8: Ele reserva a verdadeira sabedoria para os retos; escudo é para os que caminham na sinceridade.
      Para que guarde as veredas do juízo, e equidade, e todas as boas veredas.
- Como é importante guardar a verdade.
I- Encontramos a Palavra Verdade nas Escrituras Como Substantivo.
1-A Bíblia diz que Deus é a Verdade.
Dt. 32.4: Ele é a Rocha cuja obra é perfeita, porque todos os seus caminhos juízo são; Deus é a verdade, e não há nele injustiça; justo e reto é.
- A verdade é uma característica moral e pessoal de Deus.
Sl. 25.5: Guia-me na tua verdade e ensina-me, pois tu és o Deus da minha salvação; por ti estou esperando todo o dia.
2- A Bíblia diz que Jesus é a verdade.
Jo. 14.6: Disse-lhe Jesus: Eu sou o caminho, e a verdade, e a vida. Ninguém vem ao Pai senão por mim.
- Jesus como a Verdade chocou os religiosos da época.
- Jesus é a Verdade de Deus que se tornou carne.
Jo. 8.32: E conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará.
- A Bíblia diz que o Diabo é o pai da mentira.
I Jo. 3.8: Quem comete o pecado é do diabo, porque o diabo peca desde o principio. Para isto o Filho de Deus se manifestou: para desfazer as obras do diabo.
3- A Bíblia diz que o Espírito Santo é a verdade.
Jo. 16.13: Mas, quando vier aquele Espírito da verdade, ele vos guiará em toda a verdade, porque não falará de si mesmo, mas dirá tudo o que tiver ouvido e vos anunciará o que há de vir.
- O Espírito Santo guia o crente em toda a verdade.
I Jo. 5.6: Este é aquele que veio por água e sangue, isto é, Jesus Cristo; não só por água, mas por água e por sangue. E o Espírito é o que testifica, porque o Espírito é a verdade.
4- A Bíblia diz que a Palavra de Deus é a verdade.
Jo. 17.17: Santifica-os na verdade; a tua palavra é a verdade.
Sl. 119.151: Tu estás perto, ó Senhor, e todos os teus mandamentos são a verdade.
- A Palavra de Deus se opõe a toda mentira.
- Amados a verdade santifica o crente.
Jo. 17.19: E por eles me santifico a mim mesmo, para que também eles sejam santificados na verdade.
II- Encontramos a Palavra Verdade na Bíblia Como Predicado.
Ef. 4.25: Pelo que deixai a mentira e falai a verdade cada um com o seu próximo; porque somos membros uns dos outros.
- O crente tem que ter a verdade como uma virtude em sua vida.
- A verdade na vida do crente tem que ser uma coisa normal, da sua índole como filho de Deus.
Ef. 6.14: Estai, pois, firmes, tendo cingidos os vossos lombos com a verdade, e vestida a couraça da justiça.
II Co. 13.8: Porque nada podemos contra a verdade, senão pela verdade.
- A verdade sempre será vencedora em tudo.

Primórdios História Bíblica e Abraão - Breve Relato/Estudo

Os Primórdios da História Bíblica: Os primeiro onze capítulos de Genesis oferecem um preâmbulo para o relato bíblico, nele vemos o amor de Deus pela humanidade, a origem comum de todos os seres humanos e a universalidade do pecado, entre outros temas, os eventos que vêm como conseqüência disso estão delineados no resto da Bíblia a partir de Genesis 12.
Após o dilúvio, a família de Noé estabeleceu-se na Armênia, fundando várias cidades. O culto dos primeiros caldeus era monoteísta, convertendo-se em idolatra a medida que o povo ia se afastando de Deus.
Deus com sua soberania determina um novo começo, não destruindo a raça humana como no dilúvio, mas criando uma nova raça.

A Família de Abraão e a sua descendência: A Mesopotâmia, a terra entre dois rios, era a terra natal de Abraão (Cf. Gn 12.6 e 24.10). Localizada às margens do Balique, Harã constituía o centro da cultura onde ele vivia com seus parentes. Nomes da família de Abraão: Terá, Naor, Pelegue, Serugue entre outros são confirmados nos documentos de Mari e dos Assírios como nomes de cidades daquela área.
A família de Abraão proviera do primitivo elemento amorreu, mais ou menos , monoteísta, sendo com eles iniciado o terceiro capítulo da história humana. Ur dos Caldeus ou Orfah, também chamada de Edessa foi a terra de Abraão.
Nada sabemos da infância de Abraão, senão que nasceu no meio do povo idólatra, visto que na sua cidade havia um grande templo construído a uma deusa notável. Alguns tem admitido que Terá seria também idólatra, mas parece que adorava apenas deuses domésticos (Gn 31.19). Contudo, é certo que, no meio do politeísmo, haviam marcas profundas do monoteísmo.
Antes de ter vindo para Harã, Abraão vivera em Ur dos Caldeus (Gn 11.28-31), sendo a identificação moderna de Ur dos Caldeus, geralmente aceita é a moderna Tell El-Muqayyar, que está localizada à 14,5 Km a oeste de Nasi Ryeh,no Rio Eufrates, sul do Iraque.
Era um rude pastor, nascido aproximadamente em 2.160 a.C., sendo diplomata, viajante e dono de bastante recursos.

A Chamada de Abraão: A chamada de Deus veio para Abraão quando morava em Ur dos Caldeus, antes Abrão. Ao Chamar Abraão Deus deu duas ordens: “Ora disse o Senhor a Abrão: sai da tua terra, da tua parentela e da casa de seu pai e vai para a terra que eu te mostrarei” (Gn 12.1).
Assim vemos que Abraão tinha que sair da sua terra, a Mesopotâmia (Ur dos Caldeus) e deixar os seus parentes, saindo inclusive da casa de seu pai, concluo portanto que Deus impôs tais exigências para o bem espiritual de Abraão e que ele pudesse ser o homem de fé.
A chamada de Abraão foi também especial pelas promessas de Deus, pois a nenhum outro foram prometidas tão grandes bênçãos a não ser Isaque e Jacó por serem herdeiros das promessas. 
Vemos em Genesis 12.2-3 que Abraão recebeu seis promessas e uma exortação:
1ª Promessa – Farei de ti uma grande nação.
2ª Promessa – e te abençoarei 
3ª Promessa – e te engrandecerei
A Exortação – se tu uma benção
4ª Promessa – Abençoarei os que te abençoarem
5ª Promessa – e amaldiçoarei os que te amaldiçoarem 
6ª Promessa  em ti serão benditas todas as famílias da terra

Por que Deus escolheu Abraão? Em Nemias 9.7-8 descobrimos a resposta: “Tu és Senhor, o Deus que elegeste Abrão, e o tiraste de Ur dos Caldeus, e lhe puseste o nome Abraão e achaste o seu coração fiel perante ti e fizeste com ele o concerto…”
No tocante a sua descendência, quando tinha 100 anos de idade, nasce Isaque, o herdeiro, é certo que já tinha um filho, Ismael que já era grande nessa época e com o nascimento de Isaque não seria ele o herdeiro das promessas.
O nascimento de Isaque na velhice de Abraão e Sara provou que Deus é fiel e Todo Poderoso.
Com a morte de Abraão aos 175 anos, depois de uma vida produtiva e de fartura, Deus abençoou a Isaque que foi herdeiro de tudo quanto Abraão possuía, sendo certo que antes da sua morte, proveu uma esposa à seu filho (Rebeca) com quem Isaque teve dois filhos Esaú e Jacó, também comprou a caverna de Macpela, onde tornou-se o local de sepultamento de Abraão, Isaque, Jacó e suas respectivas esposas.

Por Claudio Roberto Fraga - Bacharelando em Teologia pelo SETES JABAQUARA

No Brasil é ilegal fazer download de filmes, séries e livros para meu uso exclusivo e pessoal?


Muito foi comentado nestes últimos meses sobre a lei antipirataria em trâmite no Senado Americano, vimos que após o protesto nas redes sociais muitos senadores retiraram seu apoio à lei, enfim tentaram endurecer a legislação nos EUA e a pressão contraria foi forte, mas e aqui no Brasil seria ilegal aquele download inocente de filmes, seriados, livros que faço para usar em casa, enfim para me divertir sozinho, com minha família ou meus amigos, talvez aumentar meus conhecimentos, relaxar, sem visar lucro, para entretenimento, etc?    
Não é preciso falar sobre a tremenda importância da internet para o mundo atual para nossos negócios, nossa diversão, enfim na integração de pessoas por todo os cantos do planeta terra, lembro que vivemos no Brasil, talvez pessoas de outros continentes leiam isso, por causa da integração disponível na internet, mas estou falando para aquelas pessoas que estão aqui no Brasil e que quer ter condutas de acordo com a legislação atual, então saiba que na maioria das vezes que faz um download você está cometendo crime.
O fato é que tanto quem compartilha como quem baixa filmes na internet, sem autorização do autor ou detentor dos direitos autorais da obra esta cometendo crime tipificado no artigo 184 do Código Penal, mesmo que para seu simples e exclusivo uso pessoal, podendo ser condenado à pena de detenção no período de 3 (três) meses a 1 (um) ano, ou multa.
Amigo se você ouviu dizer que baixar arquivos para uso pessoal, sem o intuito de obter lucro, não é vedado pela Lei, isso é mentira, pois trata-se de violação de direito autoral (Lei 9610/98), portanto devemos apenas baixar os arquivos e filmes os quais foram concedidas permissões pelos respectivos autores ou detentores dos direitos autorais da obra, lembrando que se houver interesse financeiro na atitude, a pena será aumentada, mas, quem sabe, trataremos disso em outro post.
Para finalizar, se você não sabia agora sabe independente de lucro, aquele download banal para assistir um filminho com os amigos nas férias, ver séries/seriados antes de seu lançamento no Brasil, ler livros sem precisar gastar dinheiro nas livrarias tudo isso é uma atitude ilegal, portanto cuidado!!! Lembrem-se: um povo que conhece seus direitos e seus deveres não é facilmente enganado.
Abraço a todos!!!

Claudio Fraga
Advogado e Estudante de Teologia no SETES Jabaquara
Twitter: @claudiofraga74  -